<$BlogRSDUrl$>

domingo, agosto 15, 2004

Fcp: O primeiro onze de Fernández

Víctor Fernández dá hoje o seu pontapé de saída. Logo com um “derby”. O momento não é o ideal mas o tempo não pára e a semana que amanhã começa já apresenta um compromisso sério, chamado Benfica. Por isso, o novo técnico portista começa hoje a abastecer com “super”

É hoje que Víctor Fernández apresenta o seu esquisso do FC Porto que já conseguiu imaginar. O treinador espanhol dirigiu apenas quatro sessões de trabalho, recolheu certamente muita informação, mas não se pode esperar que ao fim de tão pouco tempo apresente um "onze-base" para a época que começa a sério na próxima sexta-feira, com a disputa da Supertaça Cândido de Oliveira.

O segundo treinador portista desde que José Mourinho partiu para Londres tem dois modelos de jogo preferidos (4x2x3x1 e 4x4x2) e deverá querer testar o "onze" que vai apresentar frente ao Benfica, em Coimbra. Os disponíveis não são muitos e, para agravar, ontem Vítor Baía e Costinha acordaram com problemas.

O último "onze" de Del Neri dificilmente será repetido. Em Nova Iorque, na única derrota da pré-temporada, frente ao Galatasaray, o italiano entrou com a seguinte equipa: Vítor Baía; Seitaridis, Jorge Costa, Pepe e Nuno Valente; Maniche e Costinha; Quaresma, Derlei, McCarthy e César Peixoto.

A primeira equipa do "dragão romântico" poderá andar mais próxima (mas só mais próxima) daquela que foi aposta, no passado sábado, diante do Panathinaikos, de André e Aloísio. Um 4x4x2 com losango no meio-campo assim disposto: Vítor Baía; Seitaridis, J. Costa, Pedro Emanuel e Nuno Valente; Costinha, Hugo Leal, Maniche e Carlos Alberto; McCarthy e Derlei.


This page is powered by Blogger. Isn't yours?