<$BlogRSDUrl$>

quarta-feira, julho 14, 2004

Fcp: Luigi del Neri: «Quero que pratiquem um futebol corajoso!»

Com muitos elogios a Seitaridis e a Hélder Postiga, Del Neri começou a desenhar o seu FC Porto. Uma equipa que vai jogar em 4x2x4 e que não mudará o "chip"

- Que FC Porto já percebeu nos muitos vídeos que viu e nos poucos treinos que dirigiu?
DEL NERI - É, sobretudo, uma boa equipa, com os jogadores motivados, com muito bom espírito. Estão sempre todos muito concentrados em fazer as coisas bem. Estou muito contente com este grupo.

- O que falta ou quem falta a este grupo?
DEL NERI - 'No'... Somos uma equipa competitiva. Os jogadores que ainda cá não estão fizeram todos um Europeu muito bom. Saiu, por exemplo, um grande campeão como o Paulo Ferreira. Os portistas e até mesmo vocês, jornalistas, só podem concordar com isto: foi uma troca proveitosa para o clube e, sinceramente, não vejo muitas diferenças entre Paulo Ferreira e Seitaridis.

- O FC Porto fez oito aquisições e no primeiro dia de trabalhos apresentou cinco. Que influência teve neste processo?
DEL NERI - Só Pepe foi uma escolha de Mourinho e foi óptima escolha. Todos os outros tiveram o meu aval. Ricardo Quaresma, por exemplo, foi uma aposta muito importante, tal como o Hélder Postiga para 'punta central' ou o Rossato para a ala esquerda. O grupo está excelente, é muito jovem e tem muita vontade de trabalhar. Está a ser um óptimo início de época. Como importante também foi a confirmação de que muitos dos campeões europeus ficam, como será o caso de R. Carvalho, N. Valente, Maniche e Costinha.

- Falta ainda um extremo-esquerdo?
DEL NERI - Não. Peixoto é um bom jogador para essa posição. Tenho muitas soluções e todas de muita qualidade para essa posição: Derlei, Carlos Alberto, Rossato... Para todas as posições tenho bons jogadores. Na direita, tenho Maciel e Quaresma. Por exemplo, temos para o centro da defesa Pepe, Ricardo Costa, Jorge Costa, Carvalho, enfim, uma equipa muito forte fisicamente. E posso falar ainda de Costinha e de Maniche. É uma equipa mentalmente muito forte. Confio muito neste grupo.

- Que FC Porto idealiza a desenvolver o seu plano de jogo?
DEL NERI - A mentalidade do passado é importante. Mas tenho também as minha ideias e teremos de ter, por isso, uma mentalidade de entrar em campo com os jogadores a pensarem em marcar golos. Quero uma equipa que não mude tacticamente, que comece em 4x2x4 e acabe em 4x2x4. Não quero que os jogadores se sintam obrigados a ganhar mas sobretudo que se sintam obrigados a jogar bom futebol, um futebol ofensivo.

- Considera-se um treinador italiano típico?
DEL NERI - A minha ex-equipa, o Chievo Verona, mudou um pouco a maneira de ver o futebol em Itália. Jogávamos com quatro defesas em linha - recorrendo sistematicamente ao fora de jogo -, dois médios, dois extremos e dois pontas-de-lança. Agora já há outras equipas italianas também muito ofensivas, como o Parma e a Udinese. O Chievo foi, aí, um estímulo para as outras equipas e tudo o que conseguiu não foi por acaso, pois não aconteceu apenas no espaço de um ano mas em quatro! É espírito que pretendo também para o FC Porto, ou seja, quero uma equipa capaz de fazer um futebol corajoso.

Record.pt

This page is powered by Blogger. Isn't yours?